O que significa ver o lado bom da vida?

Quando temos um querer sólido, nossa alma, de algum modo, consciente ou não, faz acontecer

Estamos habituados a responder prontamente e de forma produtiva e inteligente às situações cotidianas da vida. Aprendemos ao longo dos milênios que emoções negativas e estressantes como o medo, agressividade e competitividade exigem nossa atenção como mecanismos de sobrevivência. Certamente conhecemos outros caminhos menos usados, em que tudo pode ser bom do jeito que está ou simplesmente que as situações e a maneira como as vemos pode ser temporária, que tudo passa - que algo existe além daquilo que vemos e vivemos no momento.

Ocorre que nosso cérebro não sente falta daquilo que não conhece. Portanto, de algum modo conhecemos o contrário do que não gostamos, mesmo que por hábito nos sintamos compelidos a frases e pensamentos limitantes como: “não sei o que fazer” ou “não consigo...não posso tal coisa”.

Podemos e merecemos muito mais do que imaginamos. Querer é parte essencial para causar ânimo. Quando temos um querer sólido, nossa alma, de algum modo, consciente ou não, faz acontecer.

Ver o lado bom das coisas é essencial para ser feliz!

Espante o “mimimi” da sua vida, pois além de desnecessário a sensação que ele traz só mostra que querer a perfeição é praticamente inútil. Basta observar algo bom que não esteja sendo focado e fixar a atenção nisso por mais de 10 segundos que quebramos o estado interno do “mimimi”.

Sempre vale a pena se permitir ver coisas que ainda não esteja vendo. Com isso abrimos nossas portas - e quem tem opções se sai melhor em qualquer sistema.

Abrir possibilidades e escolher riscos é revigorante já que aquilo que nos faz bem já sabemos o que nos causa. No entanto, o mundo externo nos convida a identificar gatilhos o tempo todo. Coisas acontecem a todo instante e disparam gatilhos mentais que nos levam ao caminho mais conhecido para nossas reações e nossos comportamentos. Neste exato momento você pode se perguntar: “o que está acontecendo que não estou vendo?”

Atenção e presença em algo simples, singelo mesmo, podem provocar o experimento da magia da vida no agora, independente do volume, mesmo que o “mimimi” grite para se manter preferencial na sua vida.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square